skip to Main Content
51 9.9983-0283 51 3466.5531 espacobambui@gmail.com R. Brasil 680, Canoas RS Facebook
Digestão Mental: Uma Possível Fonte De Problemas Intestinais

Digestão Mental: Uma Possível Fonte de Problemas Intestinais

A ciência encontrou conexões entre seus pensamentos, sua saúde e o funcionamento de seus intestinos. Nesse contexto, o conceito de “digestão mental” refere-se a experiências subjetivas que você não recebe de maneira adequada e depois se torna um problema intestinal.

O sistema digestivo é muito sensível aos estados emocionais. Não é estranho que alguém se surpreenda demais com alguma coisa e vomite. Muitas pessoas ficam com dor de estômago quando ficam nervosas. Devido a esse fato, e também porque o desempenho intestinal lento está se tornando um problema maior na sociedade, os especialistas começaram a falar sobre “digestão mental”.

Lembre-se de que há uma conexão muito estreita entre o intestino e o cérebro. Nesse sentido, não é incomum as pessoas chamarem o intestino de “o segundo cérebro”. O intestino trabalha independentemente do cérebro. Em outras palavras, eles não precisam de permissão do cérebro para desempenhar suas funções.

Digestão Mental: Uma Possível Fonte de Problemas Intestinais 1

Os intestinos obedecem ao sistema nervoso entérico (ENS). Esta é uma divisão do sistema nervoso autônomo. Possui circuitos neuronais próprios. No entanto, ele se comunica com o cérebro através do sistema nervoso simpático e parassimpático. Essa estrutura complexa dá à mente e à digestão uma conexão especial. O conceito de digestão mental surge dessa conexão.

Quando orei pelo sucesso, esqueci de pedir sono profundo e boa digestão.

Mason Cooley

Medicina tradicional chinesa

O tronco, na Grande Tríade chinesa, é composto pelo tórax, que representa o Céu, pelo baixo tórax, que corresponde à Terra, e pelo abdômen, que simboliza o próprio Homem. O abdômen é o centro do ser humano, o lugar das transformações. É o receptáculo geral dos sopros (o qi) e a fonte da vitalidade, designado pelos japoneses por hara.

O intestino delgado recolhe, faz prosperar o que vem do estômago sob a ação do fogo do coração: sem isso, assistimos a angústias, insônias, problemas de concentração e dificuldades digestivas.

O intestino grosso está associado aos pulmões, e um desequilíbrio desses dois órgãos pode se manifestar pela tristeza. Nesse sentido, a medicina chinesa está em sintonia com as recentes descobertas sobre as relações entre emoções e intestinos.

Terapias

Desta forma, as terapias que trabalham a saúde do intestino podem ter uma forte influência sobre nossa qualidade de vida mental. Já as terapias que tem um caráter psicológico podem influenciar nosso sistema digestório.

Naturalmente o melhor é o terapeuta considerar o papel de ambos durante a sua abordagem.

Digestão mental

Os especialistas identificaram uma relação muito estreita entre como você digere seus pensamentos e emoções e como você digere os alimentos. Portanto, é muito comum que experiências mal absorvidas sejam refletidas em uma dificuldade crescente de absorver alimentos. Você poderia dizer que a boa digestão intestinal depende parcialmente da boa digestão mental.

O contrário também acontece. Em outras palavras, problemas digestivos acabam alterando visivelmente o seu humor . Isso se deve principalmente ao fato de seu corpo processar 90% da serotonina no sistema digestivo e apenas 10% no cérebro.

Lembre-se de que a serotonina é um neurotransmissor. Assim, tem efeitos importantes no seu humor. Níveis altos de serotonina podem fazer você se sentir feliz. Por outro lado, um baixo nível da substância leva à depressão.

Como você pode ver, há uma ligação clara entre a digestão dos alimentos e a digestão mental. Um influencia o outro.

Obstipação e digestão mental

Digestão Mental: Uma Possível Fonte de Problemas Intestinais 2

Um dos problemas mais intimamente ligados à digestão mental é a constipação. Isso é um sinal de que você está bloqueando idéias, emoções ou experiências do passado. Assim, o que realmente está acontecendo é que você está se apegando firmemente a alguma coisa e se recusa a deixar passar.

É muito normal que pessoas com prisão de ventre se envolvam em ruminações sobre o passado. Seus pensamentos ruminantes podem estar relacionados a uma antiga crença, objetivo, ferida ou objeto material.

O ponto é que isso volta a você uma e outra vez, sem que haja qualquer mudança em sua atitude. É por isso que podemos dizer que a constipação é algo que acontece com pessoas que tendem a ficar obcecadas por problemas .

Às vezes, constipação também está relacionada às palavras que você guarda dentro de você. Talvez você não tenha expressado suas opiniões ou sentimentos devido ao medo. Talvez seja por um desejo de evitar inconvenientes. Esse silêncio se torna uma punição autoinfligida que acaba se transformando em um problema digestivo. Esse problema também é muito comum em pessoas que estão sempre preocupadas com o futuro.

Diarréia e emoções

A Dra. Megan Rossi é especialista australiana em saúde intestinal. Ela diz que um dos principais fatores que observa em pacientes com problemas intestinais são os altos níveis de estresse.

Ela também afirma que uma das melhores prescrições para quem procura problemas digestivos é meditar de 10 a 15 minutos por dia. Isso pode acabar trazendo benefícios à saúde muito positivos.

Alguns especialistas afirmam que a diarreia está ligada à repentina rejeição de uma ideia ou ao sentimento de que uma pessoa teve devido a uma decisão que tomou. A mente reage tentando expulsá-la o mais rápido possível. Isso se reflete em seu corpo como evacuação constante. Em outras palavras, a digestão mental inadequada acaba sendo refletida na digestão insuficiente.

A diarréia, do ponto de vista mental e físico, é o oposto da constipação. A diarréia representa um desejo de descarregar rapidamente algo porque causa rejeição e culpa. A pessoa não quer, não pode ou não sabe como aceitar essa parte de si mesma. Então, consequentemente, eles acabam se expressando fisicamente.

Devido a tudo isso, vale a pena prestar um pouco mais de atenção ao seu sistema digestivo. Pode estar mostrando que você tem problemas emocionais. Tudo o que você precisa fazer é explorar e identificar as emoções que não foi capaz de aceitar. Somente então você alcançará a digestão mental correta.

Back To Top