skip to Main Content
51 9.9983-0283 51 3466.5531 espacobambui@gmail.com R. Brasil 680, Canoas RS Facebook
Criança + Cozinha = Mais Saúde E Menos Obesidade

Criança + Cozinha = mais saúde e menos obesidade

Se você costumava se aventurar na cozinha ainda criança, possivelmente apresenta um risco menor de acumular gordura na cintura do que aquela sua amiga que nunca se aproximou das panelas durante a infância. A constatação é de um estudo da Universidade de Minnesota publicado no periódico americano Journal of Nutrition Education and Behavior.

Estimule seus filhos a fazer o mesmo: convide os pequenos para preparar o lanche da escola junto com você, montar a salada do jantar ou até assar um bolo (por segurança, não os deixe sozinhos na cozinha).

Ajudar no preparo das refeições desperta a curiosidade em experimentar ingredientes diferentes, o que abre a possibilidade de as crianças aprenderem a gostar de verduras, legumes e outros alimentos saudáveis desde cedo, tudo o necessário para uma alimentação saudável.

A tendência é que, quando adultas, elas cozinhem as próprias refeições e apelem menos para fast-food ou congelados ultraprocessados. E vão agradecer a você!

Estimule seus filhos a ter mais intimidade com a cozinha: convide os pequenos para preparar o lanche da escola junto com você!

Dicas para estimular as crianças a irem para a cozinha

Organize tudo antes de chamar a criança para a cozinha e planeje receitas variadas que estimule conhecer novos alimentos todos os dias.

Deixe a criança colocar a mão na massa. Mas sob a sua supervisão! Incentive sua participação durante todo o processo da receita. Desta forma, ela sentirá mais valorizada e confiante.

Nunca deixe as crianças usarem facas, usarem o fogão ou o forno. O risco de um acidente é muito grande para os pequenos. O ideal é que já tenham mais de 10 anos de idade e estejam sempre acompanhados por adultos para usar tais equipamentos. Assim tudo dá certo e ninguém se machuca!

Apresente o alimento como se fosse algo único e precioso. Diga, por exemplo: veja como essa manga é bonita, sinta como ela é cheirosa, doce e suculenta! Incentive a criança a usar os 5 sentidos na hora de comer, assim ela vai descobrir novas cores, sabores e aromas.

Chame as crianças para montar pratos coloridos, saudáveis e divertidos! Corte legumes, verduras, frutas, separe pães e deixe eles usarem a criatividade para montar o seu prato. Isso pode incentivar a criança a provar alimentos desconhecidos, comer de forma mais saudável e divertida. Só não esqueça de cuidar da higiene!

Elogie cada mudança alimentar da criança, por menor que seja. Toda vez que ela experimentar algum alimento novo, diga por exemplo: Que bom que você se permitiu experimentar! Tenho certeza que da próxima vez você vai gostar muito mais!

Mostre que cada alimento tem características diferentes. Explique, por exemplo, que o abacaxi é áspero por fora, mas que é suculento e doce por dentro. Desta forma você quebra pré-conceitos.

Decore o prato com ervas aromáticas. Para incentivar a criança, cultive uma hortinha em casa ou compre pequenos vasos para cultivar as ervas na varanda do apartamento. Assim você desperta a curiosidade e a vontade de experimentar.

Prepare uma bela mesa e desperte o prazer de comer em família. Estudos mostram que uma refeição por dia, feita em família, melhora a autoestima da criança.

Mostre que servir o outro é uma forma de amar e que cada ingrediente que ingerimos é um nutriente para o cuidarmos da nossa saúde e que escolhas nutritivas nutrem o corpo e a alma.

Resultado de imagem para children cooking

Incentive a criança a montar sua própria lancheira. Ensine a preparar sanduíches, sucos de frutas, biscoitos e bolos caseiros. Desta forma, a criança naturalmente evitará os produtos industrializados.

Mostre que cozinhar é legal e que não dá trabalho se todos da família colaborarem. Mostre que cozinhar não é perigoso e que não é função exclusiva dos adultos. Uma criança que é incentivada a cozinhar em família, normalmente come de tudo e faz melhores escolhas alimentares quando cresce.


Boa sorte e não se esqueça que não importa se o leite derramar, se o bolo não ficar fofinho ou se os biscoitos em forma de estrela acabarem com cara de flor. Viva bons momentos, elogie todos os esforços e faça com que se sintam felizes enquanto cozinham!

Back To Top