skip to Main Content
51 9.9983-0283 51 3466.5531 espacobambui@gmail.com R. Brasil 680, Canoas RS Facebook
O Que O Pilates Tem A Ver Com A II Guerra Mundial?

O que o Pilates tem a ver com a II Guerra Mundial?

O método de Pilates foi criado por Joseph Hubertus Pilates nos anos 1920. Joseph nasceu na Alemanha, o seu pai era ginasta de origem grega e a sua mãe naturopata alemã.

No desenvolvimento do seu método, uniu o melhor dos dois mundos: exercícios orientais e ocidentais. Uniu filosofias de contemplação, relaxamentos e ligação entre corpo, mente e espírito. Esse fato é algo que observamos muito bem nas Aulas de Pilates do Espaço Bambuí, constatando os benefícios físicos e psíquicos de nossos alunos.

No início da I Guerra Mundial, Joseph foi levado para um campo de exílio em Inglaterra. Mais tarde começa a criar e a desenvolver um programa de “ginástica” para pacientes. Cria os primeiros equipamentos com as molas e cabos das camas para recuperar os pacientes. Ganha reputação quando num surto de gripe que matou milhares de homens, não atingiu nenhum dos homens treinados por ele.

Após a guerra continua a desenvolver o seu programa na Alemanha, em Hamburgo, com forças policiais. Viaja para Nova Iorque, abre um estúdio, e através dele começa a treinar bailarinas do New York City Ballet.

Depois da sua morte, a sua mulher Clara, dá seguimento ao trabalho e alguns dos seus alunos abrem estúdios, nascendo assim uma segunda geração de instrutores de Pilates.

Por essa razão não podemos dizer que há um único método de Pilates, mas sim uma grande variedade de interpretações, variações e progressões.

O Pilates pode ser praticado de diferentes formas, sem equipamentos, com pequenos e grandes equipamentos, conseguindo ser muito específico para diferentes casos e patologias. Daí a importância de o aluno falar inicialmente com o instrutor, para que este possa fazer uma avaliação e adequar às necessidades que a pessoa apresenta.

Muitas vezes é crucial o treino individualizado no Pilates, sendo uma mais valia na realização de exercícios específicos, aumentando a eficácia da sua aprendizagem e realização.

É de extrema importância entender que o movimento faz parte das nossas vidas, do nosso bem-estar.

Há quem diga que o método de Pilates é o exercício mais natural do mundo, pois restabelece o movimento natural, corrigindo posturas e modificando padrões.

Aumenta a força, a resistência, o controlo do corpo e a intensidade do movimento, trazendo benefícios para as pessoas de todas as idades. Trabalha o corpo, a mente e o espírito como um todo.

Benefícios da prática do Pilates

FORTALECIMENTO MUSCULAR

Poucas são as pessoas que associam o Pilates ao fortalecimento dos músculos no entanto este é um dos inúmeros benefícios oferecidos. Embora suaves, os exercícios requem força e resistência. No Pilates, trabalham-se vários grupos musculares simultaneamente, mas de forma lenta em comparação por exemplo à musculação. Existem contudo treinos de Pilates focados nesse propósito, sendo necessário falar com o instrutor sobre os objectivos a atingir com o desporto.

MELHORA A FLEXIBILIDADE

A maior parte dos exercícios de Pilates exigem flexibilidade pelo que se tem dificuldades neste campo, este é um bom meio para alcançar esse fim. Em particular, os exercícios de alongamento axial melhoram a flexibilidade da coluna vertebral, corrigindo a postura.

ELEVA A CAPACIDADE DE CONCENTRAÇÃO

Alguns exercícios são complexos e exigem coordenação motora, foco, controlo da respiração e por consequência, atenção e concentração. Isto ira ter um impacto positive na saúde mental, reduzindo os níveis de stress e ansiedade bem como o cansaço físico e emocional.

REDUZ AS DORES

As dores nas costas serão amenizadas se praticar regularmente Pilates. Ao realinhar a coluna e através do fortalecimento muscular, as dores nas costas serão amplamente reduzidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top